jump to navigation

Starbucks novembro 15, 2008

Posted by Renata do Amaral in Cerqueira César.
Tags:
1 comment so far

starbucks1Fui conhecer a loja da Starbucks da Alameda Santos com duas amigas-Caróis. Como já falei antes, acho chato esse esquema de fila em vez de garçom, mas vamos lá, aqui é justificado o american style.

Por motivos cinematográficos, pedi um muffin de blueberry (R$ 7) extra-grande e um café do dia pequeno (!), ou tall, com 300 ml (R$ 4,20). Como estava na Starbucks, ignorei o espresso e fui de copão. Não achei nem muito bom, nem muito ruim, estava ok. Já o bolo estava fofinho, mas o gosto de mirtilo pouco se sentia.

O local é bem agradável, com vários ambientes, incluindo terraço e poltronas fofinhas. Para se jogar e ficar horas conversando, o que não tivemos tempo de fazer, infelizmente, bah!

blueberry

Endereço: Alameda Santos, 1.054, Cerqueira César

[ Foto: Divulgação ]

Bella Paulista novembro 2, 2008

Posted by Renata do Amaral in Cerqueira César.
Tags:
add a comment

bellapaulistaFui à Bella Paulista para um almoço tardio – bem tardio, diga-se de passagem, lá pelas 18h – porque sabia que ela ficava aberta 24 horas e teria de tudo.

Pedi um sanduíche Interlagos, com escarola, shitake, tomate grelhado e mussarela de búfala (R$ 16,70). Muito bom, mas gigante, até eu me impressionei de conseguir comer aquilo tudo!

Para acompanhar, suco de laranja com beterraba (R$ 4,30), que nunca mais tinha tomado. Como psicopata, quase vegetariana anêmica (isso é cada vez menos verdade) e ex-estudante de gastronomia, gosto de pensar que o ferro da beterraba vai ser lindamente absorvido por causa da ajuda da vitamina C da laranja. :)

Endereço: Rua Haddock Lobo, 354, Cerqueira César

[ Foto: Julian Marques ]

v.café outubro 17, 2008

Posted by Renata do Amaral in Cerqueira César.
Tags:
1 comment so far

vcafeNão sei que sina é essa da Livraria Cultura, uma loja tão legal, ter uns cafés tão mais ou menos. Lá no Recife, há um quiosque da Santo Grão com bom café e péssimo atendimento, tanto que parei de ir lá. Aqui em São Paulo, há um v.café, braço cafeinado da rede Viena.

Sei que é preciso dar um desconto: o local estava lotado porque era a abertura da 32ª Mostra Internacional de Cinema e a central para compra de ingressos ficava no Conjunto Nacional. A irritação de esperar um bocado para sentar pode até ter contribuído, mas o fato é que a comida estava muito sem graça.

O lugar é bem charmoso, com poltronas confortáveis e mesinhas pequenas, que deixam as pessoas próximas para conversar. Só que eu tenho sérios problemas com o sistema self-service (herança do irmão bufê?), do tipo “vá para a fila e peça um belo sanduíche de rosbife, tentando esquecer que ele está embalado com Rolopac”. Fica difícil, né?

Pedi uma saltenha, espécie de versão boliviana da empanada (R$ 3,70), que estava legal. A decepção veio com a coxa-creme (R$ 3,90), como se chama aqui a coxinha de galinha com a coxa inteira no osso. Magrinha e triste, não chega nem aos pés daquela do Boteco. E o café expresso nem deu para tomar (R$ 2,80). Pena.

Endereço: Avenida Paulista, 2.073, Cerqueira César

[ Foto: Divulgação ]

Douce France setembro 13, 2008

Posted by Renata do Amaral in Cerqueira César.
Tags:
add a comment

MacarronsEsperei ansiosamente para conhecer a Douce France e não me decepcionei. Amo pâtisserie e todo chef (ou toda gulosa enxerida como eu) sabe que essa é a parte mais complexa da cozinha, apesar de ser tão pouco valorizada aqui no Brasil. Quantas pâtisseries você conhece? Não estou falando de lojas de doces comuns, que existem aos montes, mas de lugares que realmente se importam com a pâte, ou seja, a massa – onde a massa folhada é folhada mesmo, daquelas que levam horas para fazer e dão um trabalhão, mas que mostram o porquê de tanta dedicação assim que se dissolvem no céu da boca. Ai!

Isso para mim não tem preço e fui para lá disposta a sair mais pobre e mais feliz, mas qual o quê? (Aliás, desculpem se parece indelicado falar dos preços, mas é uma curiosidade que todo mundo tem quando se fala de restaurantes e uma preocupação constante para mim em meu momento trainee!) Pensei que seria uma visita para lembrar com carinho, mas vai ser um lugar para voltar sempre. Os doces grandes ficam em torno de R$ 8 e os pequenos, de R$ 3.

Tortinha de ganache de chocolateFui nos pequeninos para provar mais, claro! Macarron de pistache, eclair de baunilha e tortinha de ganache de chocolate. “São toda uma delicadeza”, como fala uma personagem de “A excêntrica família de Antônia” ao descascar uma alcachofra. A palavra é essa mesmo. Para mim, é arte pura. Como pode não ser, se causa tantas sensações? Provei um sorvete incrível com 70% de cacau, mas não pedi (vale ressaltar que isso foi logo depois de almoçar no Gopala Madhava). Estava planejando levar croissant e brioche pro jantar, mas ambos tinham acabado quando saí. Ficam pra próxima.

Endereço: Alameda Jaú, 554, Cerqueira César

[ Fotos: Divulgação ]