jump to navigation

Almanara novembro 25, 2008

Posted by Renata do Amaral in Bela Vista.
Tags:
1 comment so far

misk

Há uma categoria interessante de locais para comer nos shoppings: aqueles que não são fast-food, mas não chegam a receber o mesmo tratamento dos restaurantes convencionais. Fiquei pensando nesse nova teoria – vou ter que comer mais um bocado para comprovar! – hoje no Almanara do Shopping Pátio Paulista.

São detalhes, mas que contam: os talheres são pesados, mas o garçom não chega a arrumá-los e prefere deixar tudo em cima do prato, como num botequim. E, sim, isso é superaceitável… Num botequim. Depois, a sobremesa vem num pote de plástico com um prato comum embaixo fazendo as vezes de sousplat. Na boa: potinho de plástico e talher pesado não combinam, certo?

A casa é tradicional, existe desde 1950 e conta com várias filiais pela cidade. Não pude deixar de imaginar em como as coisas funcionam na matriz do Centro. Não que o atendimento tenha sido desatento ou desatencioso, mas dá uma sensação de que algo está faltando.

Por outro lado, tudo que pedi estava ótimo: esfirra aberta com carne (R$ 2,95), esfirra de verdura com recheio de espinafre e escarola (R$ 2,85) e quibe frito com carne moída e castanha (R$ 3,95). O destaque, para variar, vai para a sobremesa, malabie, manjar aromatizado com misk, um tipo de resina vegetal retirada dessa planta acima (não confundir com musk ou almíscar!), e coberto com calda de damasco (R$ 7,90). Bem perfumado e com a calda doce contrastando com a leveza do manjar. Para quem quiser tentar em casa, essa receita aqui do Panelinha, direto do restaurante Arábia, parece boa.

Endereço: Avenida Treze de Maio, 1947, Bela Vista

[ Foto: Botanical ]

Latife outubro 21, 2008

Posted by Renata do Amaral in Consolação.
Tags: ,
add a comment

latife

No Shopping Frei Caneca, jantei no Latife, um quilo árabe bem legal (na faixa dos R$ 30 o quilo). Além dos tradicionais quibes, pastinhas e enrolados, ele tem alguns diferenciais interessantes, como a esfiha fechada integral de escarola e o happy roll – com nome de lanche da McDonald’s, ele é um sanduíche no pão-folha com carne, salada e pasta à escolha.

Endereço: Rua Frei Caneca, 569, Consolação

[ Foto: Divulgação ]

Halim setembro 20, 2008

Posted by Renata do Amaral in Paraíso.
Tags:
1 comment so far

Estou “morando” na Aclimação, mas fico bem pertinho da estação de metrô do Paraíso. Em uma volta rápida pelo bairro, já dá para perceber que ele concentra um bocado de restaurantes árabes. Tive o prazer de conhecer ontem um bem tradicional, restaurantão com direito a TV ligada – mas sentei bem longe dela, então tudo bem!

A entrada foi uma (ou um?) uzi (R$ 6), bola de massa folhada com arroz, carne bovina, castanha e carne de carneiro. Divina(o)! Ainda melhor com molho de pimenta. Depois, carneiro ao forno com batata e cebola, servido com arroz com carne bovina moída e castanhas (R$ 38). Cozido a ponto de a carne soltar fácil do osso, é exatamente o tipo de carne que adoro. Para deixar tudo ainda melhor, quando se pede entrada, o prato serve bem de três a quatro pessoas.

Endereço: Rua Dr. Rafael de Barros, 56, Paraíso

[ Foto: Cuecas da Cozinha ]

Kalili setembro 16, 2008

Posted by Renata do Amaral in Consolação.
Tags: ,
1 comment so far

Quando você almoça ali por perto da estação Santa Cecília todos os dias, uma prosaica refeição em um shopping (tipo de local que, em meu estado normal, não suporto) vira uma festa. Como fomos a um evento no Shopping Pátio Higienópolis, aproveitei para mudar um pouco o menu.

Fui ao Kalili, self-service árabe com todos os quitutes básicos daquela cozinha: kibe cru e frito, kafta, charutos de couve e repolho recheados com carne moída e arroz, carneiro (adoro, mas esse estava gorduroso demais), arroz com lentilha e todos os doces folhados. É um quilo-caro, por volta de R$ 30.

A coalhada seca estava acima da média e parecia ter sido feita com leite tirado da vaquinha na hora, de tão cremoso! Além do homus (grão de bico e pasta de gergelim) e do babaganush (beringela assada), havia uma pasta que eu não conhecia, a mahamara, de pimentão vermelho com nozes. Gostei.

Endereço: Avenida Higienópolis, 618, Consolação